Nutrição de equinos: cuidados com a alimentação de cavalos atletas

Nossos cavalos atletas, os heróis das pistas, exigem alguns cuidados especiais na preparação para o período de competições. Nutrição, treinos, descanso e acompanhamento contínuo com o veterinário são alguns exemplos.

E hoje, vamos conversar sobre os cuidados com a nutrição dos cavalos atletas!

Quando estabelecido um programa de nutrição, é preciso buscar o equilíbrio, que envolve variáveis como peso, idade, tipo e intensidade do esforço físico, além da disponibilidade de nutrientes presentes em cada alimento.

Para um cavalo atleta desempenhar melhor seu trabalho e ter uma performance atlética mais eficiente, a sua alimentação, seus métodos de treinamento e a suplementação adequada são pilares essenciais na rotina.

Vamos conversar sobre a dieta? Acompanhe o conteúdo produzido pelo canal @vetnilequinosoficial.

O que deve ser oferecido?

Independentemente do tipo de esporte, a base da dieta é sempre a mesma. O que muda é a quantidade de nutrientes e a escolha dos suplementos que devemos incluir na nutrição de equinos atletas.

Então, a alimentação do animal deve ser sempre adaptada de acordo com as exigências, prezando por uma dieta balanceada e equilibrada, sem causar deficiências ou excessos. Além disso, deve ser sempre orientada e acompanhada por um profissional da área!

Basicamente, os principais componentes nutricionais para equinos são água, energia, sais minerais, proteínas, gorduras e vitaminas.

Água

É essencial que a água esteja sempre à disposição do animal, sempre fresca e limpa.

É muito importante que o cavalo não passe sede, porque se ele perder 15% da sua reserva hídrica, pode ter graves consequências.

Também vale lembrar que a água gelada não é recomendada, especialmente quando o cavalo estiver com seu corpo quente.

Energia

A energia é a base fundamental para uma boa performance esportiva, por isso é importante oferecer a quantidade certa de uma fonte em que o cavalo não tenha dificuldades para aproveitar. Ela deve ser majoritariamente fornecida na forma de gordura e óleos e em menor proporção na forma de amido e grãos.

Dependendo da intensidade do esforço, são recomendadas rações de alta energia, com extrato etéreo acima de 6%. A vantagem é que elas podem ser oferecidas em menor quantidade, deixando assim mais espaço para os volumosos, os quais evitam que o animal tenha sobrecarga gástrica ou intestinal.

Também é importante prestar atenção na quantidade de gordura total da dieta, a fim de evitar a sobrecarga do organismo, ou que o animal reduza o consumo.

Já o volumoso deve representar de 1 a 1,5% do peso do cavalo em matéria seca.

Caso a quantidade de energia da dieta não seja suficiente para o animal ter boa performance, é recomendado utilizar uma ração ou suplemento mais energético.

Aqui, vale lembrar que, para exercícios de curta duração, uma menor quantidade de volumoso pode ser benéfica. Porém, em exercícios de longa duração, a quantidade de volumosos deverá ser maior.

Minerais

O sal mineral é necessário para a nutrição de equinos, mas existem alguns minerais que podem ser suplementados na alimentação pela maior perda pelo exercício, como por exemplo Cálcio, Cloro, Magnésio, Potássio e Sódio.

A quantidade e a suplementação com esses minerais variam de acordo com o animal e dependem do tipo de esforço desempenhado, mas eles devem ser sempre oferecidos e o animal deve sempre ter água à vontade.

Proteínas

A nutrição para um cavalo atleta deve sempre ter um mínimo de proteína, para que não haja queda na performance.

A necessidade proteica varia para cada indivíduo dependendo de sua composição corporal e nível de atividade diária, por isso a aorientação de profissionais capacitados é essencial.

A suplementação dentro da nutrição de equinos deve ser calculada de acordo com as necessidades de cada animal e existem alguns fatores que interferem nessa decisão:

  1. Baia ou pastagem

Animais em estábulos costumam ter restrição no fornecimento do volumoso, aumentando, então, as necessidades de concentrado

  1. Clima

Interfere na qualidade do pasto ou feno produzido, alterando a concentração de alguns nutrientes.

  1. Digestibilidade Individual

Fatores como dentição e saúde do trato gastrointestinal podem gerar variação entre os animais

  1. Estado geral

É preciso avaliar as necessidades de cada animal de acordo com o escore de condição corporal e tomar as ações necessárias para que ele alcance o ideal

  1. Raça

Algumas raças têm um aproveitamento melhor que outras e as pesadas costumam ter uma conversão alimentar melhor que as mais leves.

  1. Temperamento

Animais mais agitados possuem necessidades maiores do que os mais calmos.

Como deve ser o manejo alimentar na época de competição?

Há algumas recomendações para a nutrição dos equinos a serem seguidas na época de competição. Algumas delas são:

  • Caso a competição seja de curta distância, ofereça apenas água à vontade. Diminuindo os volumosos, há também a diminuição do preenchimento intestinal e da quantidade de peso que o cavalo sustenta - o que o ajuda a performar melhor.
  • Caso a competição seja de longa distância, ofereça água e volumoso à vontade. Isso faz com que o consumo de eletrólitos e nutrientes aumente, aumentando a resistência do animal, - o que auxilia em sua performance.
  • Evite grandes alterações na dieta nas três semanas que antecedem a competição.
  • Não ofereça alimentos à base de grãos nas 3 horas que antecedem a competição, pois eles elevam a concentração de insulina no sangue e diminuem a utilização de gordura - isso pode vir a causar uma hipoglicemia logo no início da competição, que é quando o animal mais precisa de energia.
  • Ofereça suplementos que compensem as demandas energéticas e nutricionais de cada animal, de acordo com a orientação de um profissional da área.

Comentários

Juscelino Ribeiro
Os cuidados com os cavalos são de vital importância para sua performance e também para manter sua integridade física. Animais bem cuidados tem uma vida esportiva mais longa. Cuidar também é uma forma de carinho e respeito pelo nosso amigo.
22/02/2022 ás 22:03
Sac Brasil: 0800 0109 197 Internacional: 55 19 3848-8500

Av. José Nicolau Stabile, 53 – Burck |
Louveira – SP – CEP: 13290-000 | vetnil@vetnil.com.br

Copyright © 2022 Vetnil - Parceira de quem Cuida | All Rights Reserved
logo Agência